.posts recentes

. Navegue no site oficial d...

. O meu ecoponto

. Red List - Espécies Ameaç...

. Quercus defende reutiliza...

. Centrais de dessalinizaçã...

. Relatório Anual do Sector...

. Um ano depois...

. Principais dados estatíst...

. Eco-eficiência

. Aventuras no Planeta das ...

.arquivos

. Agosto 2006

. Abril 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

Quarta-feira, 6 de Abril de 2005
A Central de Ondas no Pico

Portugal é um dos países com melhores condições para o aproveitamento da energia das ondas.


 


A costa de Portugal, tanto no continente como nos arquipélagos, é longa e a população encontra-se maioritariamente junto ao litoral, onde existem infra-estruturas de apoio portuárias, navais e também de transporte de energia eléctrica.


 


A central de ondas na ilha do Pico nos Açores entrou em funcionamento em finais de 1999. Foi a primeira unidade a nível mundial a estar ligada à rede eléctrica de forma permanente e com uma potência de 400kW, de modo a produzir energia para a ilha do Pico. As condições do mar adversas e a inexperiência neste tipo de engenharia, conduziram a problemas no equipamento, e esta unidade do tipo Coluna de Água Oscilante foi desactivada pouco tempo depois de ter entrado em funcionamento. Apesar de não funcionar como uma central eléctrica, continua a ser uma unidade de investigação e desenvolvimento, servindo para se realizarem experiências nesta área.


 

publicado por nelsonfq às 16:44
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31
.tags

. todas as tags

.links
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds