.posts recentes

. Navegue no site oficial d...

. O meu ecoponto

. Red List - Espécies Ameaç...

. Quercus defende reutiliza...

. Centrais de dessalinizaçã...

. Relatório Anual do Sector...

. Um ano depois...

. Principais dados estatíst...

. Eco-eficiência

. Aventuras no Planeta das ...

.arquivos

. Agosto 2006

. Abril 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

Segunda-feira, 23 de Maio de 2005
Extremófilos

Os extremófilos são microrganismos que vivem em ambientes extremos, insuportáveis à maioria dos seres vivos.
Podem ser organismos:
> Termófilos , quando vivem em ambientes com temperaturas entre 70-120 ºC, como nas fontes hidrotermais oceânicas de origem vulcânica (por ex. nos quatro campos termais situados a sul dos Açores, na cadeia montanhosa submarina denominada Crista Média Atlântica);
> Acidófilos, quando vivem em meios muito ácidos;
> Alcalófilos, quando vivem em meios muito básicos como a soda cáustica;
> Psicrófilos, quando vivem em temperaturas muito baixas do Árctico e do Antárctico;
> Halófilos, quando vivem nas salinas;
> Barófilos, quando vivem a pressões muito elevadas como nas fossas submarinas, a muitos quilómetros de profundidade, resistindo a pressões elevadas.


Há organismos que combinam mais de um tipo de extremofilia. Um organismo que foi isolado nos Açores é termófilo e halófilo, isto é, gosta de sal e de temperaturas elevadas; outro é termo-acidófilo, por gostar de temperaturas elevadas (80º) e de meios ácidos, de pH=2 (se colocarmos o dedo neste tipo de ambiente ficamos queimados!).


As condições em que vivem os extremófilos, letais para o ser humano, fazem com que investigadores, em todo o mundo, estudem a biologia e a bioquímica destes organismos. Por exemplo, a maioria das enzimas degradam-se aos 40-50 ºC, mas as enzimas dos extremófilos não, pelo que pode-se utilizar o conhecimento da estabilidade destas enzimas para desenhar proteínas mais estáveis.


In http://2010.flmid.com/

publicado por nelsonfq às 14:35
link do post | comentar | favorito
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31
.tags

. todas as tags

.links
.Fazer olhinhos
blogs SAPO
.subscrever feeds